Álbum de Arte "Mulheres Saramaguianas"

Ana Romãozinho, Graça Morais, Joana Villaverde, José de Guimarães, Manuel João Vieira, Miguel Januário

1950€
Sócios: 1595€
- +
  • Serigrafia e Gravura
  • Suporte: 70 x 50 cm
  • Data: 2022
  • 100 exemplares
  • Ref.: PS36382

 

 Facilidades de pagamento para Sócios:

195€ + 3 x 465€

 

Encomende também via:

T. 213 933 60 / 213 162 175 / 964 942 317  E-mail: enogueira@cps.pt 

 

CENTENÁRIO DE JOSÉ SARAMAGO

Edição especial no âmbito das comemorações do centenário de José Saramago editado em parceria com a Fundação José Saramago.

Composto por seis serigrafias e gravuras inéditas de artistas portugueses, acompanhadas de textos de escritoras, também eles inéditos, sobre seis personagens femininas do Prémio Nobel português. Obras assinadas pelos artistas e escritoras.

 

José de Guimarães e Lídia Jorge — Blimunda
Miguel Januário e Dulce Maria Cardoso — Gracinda Mau-Tempo
Graça Morais e Ana Luísa Amaral — Joana Carda
Ana Romãozinho e Adriana Lisboa  — Maria Sara
Manuel João Vieira e Djaimilia Pereira de Almeida — morte
Joana Villaverde e Ana Margarida Carvalho — mulher do médico

 

Curadora artística: Ana Matos  

Comissário para o centenário de José Saramago: Carlos Reis

 

Parceria: 

 

 

Inspirando-se em seis personagens ou entidades simbólicas femininas de José Saramago, seis prestigiados artistas criaram serigrafias e gravuras inéditas que, por sua vez, serviram também de mote aos textos de notáveis escritoras portuguesas. O destaque vai, neste conjunto de grande valor plástico e poético, para: Blimunda (Memorial do Convento) interpretada por José de Guimarães (serigrafia) e Lídia Jorge, Joana Carda (A Jangada de Pedra), vista por Graça Morais (serigrafia) e Ana Luísa Amaral, Gracinda Mau-Tempo na expressão de Miguel Januário (gravura) e Dulce Maria Cardoso, Maria Sara (História do Cerco de Lisboa) por Ana Romãozinho (serigrafia) e Adriana Lisboa, morte (As Intermitências da Morte) por Manuel João Vieira (gravura) e Djaimilia Pereira de Almeida e mulher do médico (Ensaio sobre a Cegueira e Ensaio sobre a Lucidez), por Joana Villaverde (gravura) e Ana Margarida Carvalho. O resultado é um singular conjunto que cruza distintas gerações e sensibilidades artísticas, propiciando um novo olhar sobre o universo ficcional do Nobel da Literatura. 

Reunindo seis obras de arte e seis textos no formato 70x50 cm, todos numerados e assinados pelos autores numa tiragem centenária de apenas 100 exemplares. O álbum, de encadernação manual cuidada, é um valioso testemunho e objeto único, que certamente enriquecerá a sua coleção de arte contemporânea.

Adicionar à lista de desejos