Chevalier de Pas

Pedro do Vale

240€
Sócios: 169€ ou 3M
- +
  • Litografia
  • Papel Fabriano Rosaspina
  • Mancha: 40x30 cm
  • Suporte: 63x50 cm
  • Data: 2021
  • 47 exemplares
  • Ref.: L36242

Chevalier de Pas é o primeiro dos heterónimos de Fernando Pessoa, criado em 1894 quando Pessoa contava apenas 6 anos.

 

O artista Pedro do Vale presta assim a sua homenagem ao poeta com duas litografias (veja também "Eu, o Fantasma nascido de todas as sensações") com uma tiragem simbólica de 47 exemplares, correspondente aos anos de vida de Pessoa.

Pedro do Vale (n. 1990) junta-se à grande linhagem dos artistas criadores de uma iconografia inspirada na personalidade, no rosto e na figura do genial e mundialmente reconhecido poeta Fernando Pessoa, de Almada Negreiros, a Júlio Pomar, Costa Pinheiro, Pedro Chorão, Alfredo Margarido, Miguel Yeco e Rico Sequeira, entre muitos outros.

Neste caso o artista oferece-nos uma soberba imagem para o primeiro dos seus heterónimos, o “Chevalier de Pas”, criado em 1894 quando Pessoa contava apenas 6 anos, percorrendo o caminho da infância para a idade adulta.

Maria João Fernandes

AICA - Associação Internacional de Críticos de Arte

Adicionar à lista de desejos