Xidjilo

Fernando Machiana

395€
Sócios: 289€ ou 6M
- +
  • Gravura, Água-forte, c/ intervenção
  • Papel Fabriano Tiep GF 290gr
  • Mancha: 41 x 29,5 cm
  • Suporte: 70 x 50 cm
  • Data: 2018
  • 75 exemplares
  • Ref.: G35521

Edição especial colorida à mão, conferindo a cada exemplar o caráter de obra única.

UM CÂNTICO À HARMONIA POSSÍVEL

Fernando Machiana, autodidata, faz parte juntamente com Mestre Malangatana, já desaparecido, dos artistas que situaram Moçambique na rota da arte mundial. O povoado de Matalana onde nasceu, no distrito de Marracuene, orgulha-se do pintor que fez da sua profissão um verdadeiro ofício pela dignificação do homem. Membro fundador do Centro Cultural de Matalana promove atividades no âmbito das artes plásticas e incentiva os jovens com vocação para a pintura. Se Malangatana soube impor o génio de uma expressão que brotou das raízes míticas e históricas de um povo, Machiana, inspirando-se na sabedoria e autenticidade desta lição plástica e poética, criou em sua homenagem o cântico de uma nacionalidade que, tal como o grande artista moçambicano, não pertence a um qualquer país, mas a um universal património do humano. Nesta sua gravura intervencionada individualmente transmite-nos essa imagem ancestral simultaneamente inocente e mágica, de uma humanidade entregue às tarefas simples de um quotidiano feliz e acolhida no seio de uma natureza benfazeja e cúmplice propiciadora desta espécie de cântico à harmonia possível.

Maria João Fernandes

Nov. 2018

Adicionar à lista de desejos